Honor 9 Midnight Black. Nova cor chega ao mercado

O Honor 9 é como que um todo, um smartphone que concilia o preço às muitas funcionalidades e design (deveras) atractivo. Sob a égide da marca mãe Huawei, este Honor é um smartphone de gama média alta e deixa claramente para trás a imagem de submarca, ou mais barata, assumindo-se como mais uma opção.

A novidade anunciada à meia noite é relativa à nova cor. Se as cores Sapphire Blue e Glacier Gray já haviam conquistado o seu espaço no mercado, acrescentam a Midnight Black (razão da meia noite), um negro brilhante que o torna quase uma peça única, entre ecrã e corpo. 

O design é talvez um dos mais cativantes do mercado, pela simplicidade, beleza e bons acabamentos. Com uma espessura de 7,45 mm, possui na traseira vidro curvado com a designação 3D, que reflete a luz natural e cria um efeito (propositado) tipo aurora, graças a uma processo de fabrico de 15 camadas.

As características foram herdadas do seu congénere Huawei P10. O ecrã possui 5,2 polegadas e resolução de 1080×1920 píxeis, inclui o processador da empresa,  Kirin 960 com oito núcleos (4 x 2.4 GHz e 4 x 1.8 GHz), 4 ou 6GB de memória RAM consoante a capacidade de armazenamento interno, 64 ou 128GB, que pode ainda ser expandida através de um cartão microSD. A bateria é de 3200 mAh e o equipamento também incluí carregamento rápido.

Característica também partilhada é, tal como acontece no P10, as suas duas câmaras traseiras. O conjunto é composto por uma câmara principal RGB de 12 megapíxeis e outra secundária monocromática de 20 megapíxeis. Nota aqui que perdem o cunho da marca Leica nas lentes, mas não a qualidade. Na parte frontal, e dedicada às selfies, uma câmara de oito megapíxeis com uma abertura f/2.0. As valências no campo fotográfico permitem captar fotos com uma resolução de 4992×3744 pixels, ou no vídeo,  capacidade para gravar em 4K (ou 3840×2160 pixels).

O Honor 9 possui vários formatos de áudio comuns e o sistema Huawei Histen. A tecnologia de som 3D ultra-ampla foi ajustada pelo premiado Grammy Rainer Maillard e projetada com estilos de reprodução personalizados para todos os géneros musicais. Adicionalmente, em parceria com a Monster, a Honor desenvolveu o equalizador da Honor Purity.

Como não podia deixar de ser, uma vez que se trata de um equipamento de topo, o Honor 9 suporta até dois cartões SIM, possui conectividade bluetooth 4.2, NFC, USB Type-C com suporte USB OTG e para toda a interação, o sistema operativo Android 7 com a interface da Huawei, a EMUI 5.1.

O novo Honor 9 está disponível a partir do dia 10 de outubro, com um preço recomendado de venda ao público de 459€.

 

Óscar Rocha

Autor: Óscar Rocha

Fundador e Editor do Motores & Tecnologia
Enviar E-Mail para: Óscar Rocha

%d bloggers like this:

Ao continuar a navegar em mtech.com.pt, aceita a utilização de cookies. mais informação

As definições de cookies neste website estão em "permitir cookies" de modo a propiciar a melhor experiência de navegação possível, Se continuar a navegar neste website sem alterar as definições dos cookies, ou se clicar em Aceitar estará a consentir a utilização de cookies.

Fechar