Huawei Mate 20 PRO revelado. Será este o ‘Rei’ do mercado?

A Huawei apresentou a sua nova série Mate 20, num evento a nível mundial em Londres. Esta série é composta por quatro modelos, o Mate 20, Mate 20 PRO, Mate 20X e o muito exclusivo Mate 20RS Porsche Design. Sendo que para território nacional (e como tem sido apanágio) será o Mate 20 Pro a ser comercializado, vamos desenvolver o tema sobre aquele que é definitivamente o smartphone a ter em conta, um dispositivo aguardado não só pelo que se adivinhava, mas pelas (habituais) fugas de informação que foram apimentando o mercado com características, suposições e novidades.

A realidade é que este Huawei Mate 20 PRO está cheio de novidades! O novo flagship da marca chinesa tinha uma responsabilidade imensa, não só pelo anterior Mate 10 PRO, que se afirmou como um dispositivo pleno em elegância extrema, design e muitas características, além de ser pioneiro na AI. Os ‘irmãos’ Huawei P20 e P20 PRO também incutiam aqui alguma responsabilidade, dois smartphones da mesma casa que, e embora noutra categoria, possuem todas as características do Mate 10 PRO, e mais. Mas a Huawei, e que bem o tem feito, supera-se mais uma vez (e quiça os outros) e anuncia finalmente o seu novo smarphone topo de gama.

Este novíssimo Huawei Mate 20 PRO surge com um novo formato, disposição das câmaras traseiras, agora dispostas na forma de um quadrado, complementadas com o flash. Porque começar por aqui? A Huawei começou a cimentar a sua marca com parcerias, e a mais bem sucedida pode muito bem ter sido esta elaborada em 2016, com a experiente e conceituada Leica. Muitos achavam que poderia ser um caso de markting, nós afirmamos que é qualidade. O tempo afirmou esta parceria e tem sido relevante na qualidade das fotos…e no patamar imposto nos smartphones a nível fotográfico.

Neste campo fotográfico não foi apenas a disposição das câmaras a serem novidades, mas os sensores. No Mate 20 Pro a Huawei descartou o sensor monocromático, que fazia parelha com o  com o sensor RGB no anterior Mate 10PRO,  e, em vez disso, dotou este novo modelo com sensores capazes de três diferentes distâncias focais. Ou seja, este novo Mate 20PRO surge com uma câmara principal RGB de 40mp com abertura F / 1.8 e tecnologia Light Fusion para maiores detalhes e fotografias do quotidiano. Possui também uma câmara de 8mp dedicada ao zoom (5x) para planos distantes, e uma nova câmara ultrawide, ou ultra grande angular, de 20 MP e abertura F / 2.4 da Leica para fotos de paisagem e macrofotografia. O resultado final, que inclui um flash adaptativo de dois tons, é a matriz quad-circle distintiva na parte de trás do telefone.

O modo como a Huawei, e agora o mercado, vê a fotografia e as suas possibilidades está também diretamente ligado à AI, ou inteligência artificial. A Huawei foi pioneira no campo, com o Mate 10 PRO, e o primeiro processador com uma unidade NPU embutida. Esta unidade não só ‘aprende’ sobre o funcionamento e preferências e gestão do smarphone, como tem total cunho nas fotos. Processa as imagens e trata cada momento, motivo ou detalhe, identificando e ajustando automaticamente os parâmetros da câmara para captar a melhor imagem. Resumidamente, os smartphones Huawei dotados de AI já são capazes de identificar o céu azul, animais e diferenciar alguns, pessoas, retratos, plantas, paisagem, etc… o que muda no Huawei Mate 20 PRO? O processamento dessas imagens. Com a designação de Master AI 2.0, o Mate 20 Pro consegue processar imagens e segmentar uma foto, e tratar cada uma de forma diferente, por partes. Anteriormente um céu azul ganhava sempre o destaque ou foco, por exemplo, e toda a imagem era tratada como um todo. No novo Mate 20 PRO consegue reconhecer que parte da imagem é o céu, processá-la de acordo, ao mesmo tempo que tem capacidade para identificar as pessoas, edifícios ou objetos sob o céu e dar-lhes outro tratamento adequado. 

Este Mate 20 PRO também ‘brinca’ à realidade aumentada, com capacidade para digitalizar um brinquedo com a Câmara 3D e sensor de profundidade, criando um modelo no ecrã assistido por inteligência artificial. Não só pode tirar fotos do modelo, como pode também filmá-lo a mover-se ou dançar. A Huawei Mate 20PRO também se rendeu à moda dos divertidos Emojis 3D, permitindo criar e animar o rosto, com as suas próprias expressões.

No campo vídeo também existem novidades, com um conjunto de modos de cores de filmes clássicos, e até um modo monocromático em que apenas as pessoas são coloridas. A parte AI permite identificar pessoas, rostos, criar destaques e mesmo desfocar o fundo.

Como se faz isto tudo? Com processamento. A Huawei já tinha divulgado o seu novo processador na IFA em Berlim, e se deixou ávidos os utilizadores e mercado, deixou sérios avisos à concorrência. Este processador Kirin 980 faz a sua estreia oficial neste Mate 20 Pro, e para além de ser o primeiro a usar um método de fabrico a 7nm, adopta uma arquitetura multicore avançada de CPU e GPU. O novo Kirin 980 é um processador octacore (2x 2.6GHZ,2 X 1.92 GHZ, 4X 1.8 GHz) e inclui uma GPU ARM Mali-G72 e DUAL-NPU. Em suma adicionou outra NPU, o que significa que temos duas unidades dedicadas à inteligência artificial com responsabilidade directa em todo o funcionamento e desempenho, sendo uma dedicada à computação assistida por Inteligência Artificial, e outra incide em tarefas específicas para proporcionar uma melhor eficiência e experiência para o utilizador, além da substancial melhoria na eficiência energética. Este processador possui nada mais que 6,9 bilhões de transistores, duas unidades dedicadas de processamento neura AI e um modem Cat.21 com suporte para velocidades de até 1.4Gbps. 

 

Óscar Rocha

Autor: Óscar Rocha

Fundador e Editor do Motores & Tecnologia
Enviar E-Mail para: Óscar Rocha

%d bloggers like this:

Ao continuar a navegar em mtech.com.pt, aceita a utilização de cookies. mais informação

As definições de cookies neste website estão em "permitir cookies" de modo a propiciar a melhor experiência de navegação possível, Se continuar a navegar neste website sem alterar as definições dos cookies, ou se clicar em Aceitar estará a consentir a utilização de cookies.

Fechar